☽★☾ Grimório da Luna

Um blog dedicado a orientação de iniciantes e praticantes solitários da wicca. Blessed be!

Feitiços I


  O feitiço é uma fórmula falada ou escrita que é usada em um ato de magia com a intenção de causar ou influenciar um determinado curso dos acontecimentos.   A crença e o uso de feitiços são universais e têm sido uma parte integrante das práticas religiosas desde os tempos antigos.  Os métodos variam de acordo com a cultura, mas todo o uso baseia-se na magia ritual. 

  Os feitiços são intimamente relacionados com orações, que nada mais são do  que rituais que consistem de uma petição aos deuses ou divindades (o que quer que a religião ou fé acredite) para um resultado desejado.  Ele envolve a visualização de um objetivo, uma declaração de desejo para se atingir, e os movimentos ritualizados de posições corporais (por exemplo, o encurvamento da cabeça, o apertando das mãos, o fechamento dos  olhos e etc).   Na magia, feitiços são intimamente relacionados a vários métodos de poder da mente, tais como: visualização criativa, pensamento positivo e etc. Tudo o que enfatizar nossas imagens mentais sobre o objetivo e nossa identificação com ele é usado, como: a repetição de nossa intenção de atingir essa meta, projeção de nossa vontade, e uma petição aos espíritos, deuses, ou a força divina para seu auxílio. 

  Feitiços podem ser benéficos ou prejudiciais e podem ser usados em pessoas, animais e na natureza em geral. Seus fins são ilimitados e incluem: cura, amor, dinheiro, sucesso, fertilidade, longevidade e proteção contra desastre, doença e todo tipo de mal.   Eles também podem ser usados ​​para exorcizar fantasmas e espíritos, para a vitória, para alcançar a verdade em alguma questão, para adivinhação, controle do tempo, e a realização de feitos sobrenaturais. Quando dirigida contra os inimigos, os feitiços podem ser utilizados para causar a doença, a destruição, a perda de amor, impotência, esterilidade, fracasso e até mesmo a morte.  Feitiços podem ser feitos para afetar a si mesmo, ou direcionado para afetar outra pessoa.  Convém agora que eu diga, que existe uma grande responsabilidade sobre nós wiccanos. Se você está ciente disso, muito provavelmente não vai precisar jamais utilizar qualquer feitiço para o mal e ter de sofrer as consequências da lei tríplice duplicada, isso mesmo duplicada! Uma pelo mal que infligiu e outra por quebrar a principal lei da religião a qual você se compromete quando assume fazer parte da religião regida por essa lei. Então cuidado!

  Um feitiço positivo é muitas vezes chamado de uma bênção, embora termos como feitiço e encantamento são usados na grande maioria das vezes.   Feitiços negativos são geralmente conhecidos como maldições.   Um feitiço pode romper com a lei do livre arbitrio unicamente se tiver a intenção de evitar danos muito perigosos, evitar o perigo, ou em casos extremos impedir alguém de realizar atos específicos (por exemplo, assassinato, impedir um estupro, entre outros). 

  Na maioria das culturas, bruxas, feiticeiros, curandeiros, magos, e outras pessoas com poderes magicamente, lançam feitiços bons e ruins de acordo com os ditames da necessidade.  No entanto, no paganismo contemporâneo e na bruxaria moderna, um conjunto de ética existe que proíbe o uso de maldições e feitiços negativos contra outro como expliquei anteriormente.   

  Muitos tipos de feitiços são comumente usados ​​no dia a dia com a iluminação de uma vela apropriada ao iniciar o ritual. Essas magias diárias constituem os chamados feitiços menores como: bênçãos, feitiços simples de auto-ajuda, pensamentos positivos e o envio de energias curativas para outras pessoas. Esses feitiços menores de uso diário, não são, portanto, necessários de se realizar com um ritual completo num circulo mágico.  
 
Como funciona um feitiço ritual
  Um grande ato de magia requer um ritual e um feitiço realizado dentro de um círculo construído adequadamente. O feitiço consiste em palavras ou encantamentos com gestos entre outros, e o ritual é um conjunto de ações realizadas enquanto as palavras estão sendo ditas.   Os antigos egípcios acreditavam que as palavras eram tão poderosos que apenas falar o que queriam faria com eles alcançassem a meta desejada.   Palavras e nomes de poder eram vitais para a magia egípcia e tinham que ser pronunciadas corretamente e com a entonação adequada.   

  Um feitiço ritual levanta poder e energia através de uma combinação de visualização, meditação movimento, corpo, identificação e projeção de vontade.   O sucesso de um feitiço repousa sobre a energia e força de vontade levantada, juntamente com a habilidade em que são focados e projetados.   Palavras, cantos, músicas e movimentos, objetos, como ferramentas de rituais, efígies, bonecos, cabos e velas, bem como materiais, tais como pergaminho, ervas, óleos e outros tantos podem facilitar o resultado e o andamento dos feitiços devido a atmosfera energética que propiciam.Além é claro da verificação das propriedades planetárias do dia ou da hora em questão.

  Em covens muitos feitiços fazem parte das reuniões regulares, embora cada clã ou coven possa usar “técnicas” diferentes.   Para começar, o objetivo de um feitiço é indicado e algumas bruxas geralmente o escrevem em um pedaço de pergaminho. O ato de escrever o objetivo enfatiza as técnicas de pensamento positivo e ajuda a fortalecer a força de vontade para atingir a meta.   Preparativos para o ritual são feitos como acender velas coloridas ou mistura de ervas e óleos (tudo de acordo com o que se pretende atingir).  Cada ação gera energia e uma concentração crescente de poder e vontade em direção ao objetivo.   

  Em rituais de magia de cura uma boneca de pano pode ser usado para identificar a semelhança com o objeto do feitiço.   Para ajudar a semelhança, o boneco pode ser marcado com o nome das pessoas ou signo astrológico, ou mesmo recheado com algo pessoal como uma mecha de cabelo, por exemplo.   Uma fotografia da pessoa pode também ser usada.   Se uma boneca ou boneco não está sendo usado, então uma imagem mental ou forma de pensamento é criada.   Se o feitiço é trabalho em grupo, todos devem concordar sobre a imagem e segurá-la firmemente em suas mentes.  A potência da energia é então levantada por vários meios, incluindo: cantar, dançar, dar nós em cordas ou bater palmas.  Tambores, chocalhos e a reprodução de música podem também ser usados ​​para aumentar a potência energética. 

  Bruxas convidam forças superiores para trabalhar com elas na implementação de um feitiço. Na Wicca essas forças superiores são algum aspecto da Deusa ou Deus, juntamente com as forças dos elementos.   Outras divindades podem ser chamados cujos aspectos melhor atendem a natureza do feitiço. Por exemplo, para um feitiço de amor Afrodite pode ser invocada.

  Durante a realização do ritual, o bruxo deve ter intensa concentração e força de vontade em alcançar a meta, e quando o poder psíquico e energia que está sendo levantada estiver em seu pico no cone de poder, essa energia é então liberada e orientada para a meta, enquanto se visualiza os resultados que estão sendo realizados.  Uma vez que o feitiço foi concluído o ritual termina com uma limpeza psíquica para banir e fundamentar quaisquer vestígios de energia psíquica.   Isso normalmente é feito com os "bolos e vinho" rituais ou banquete ritual, após o qual as divindades e os elementos são agradecidos pela presença e o círculo é desfeito.