☽★☾ Grimório da Luna

Um blog dedicado a orientação de iniciantes e praticantes solitários da wicca. Blessed be!

Panteão nórdico

Da mesma forma do panteão grego, o panteão nórdico também gira em torno de uma história central. "Ygdrasill" é uma árvore freixo, considerada pelos nórdicos, o eixo do universo. Nas raízes ficam os mundos subterrâneos, habitados por povos hostis. Em torno do tronco, fica "Midgard", mundo material dos homens. Nos ramos mais altos, que roçam o Sol e Lua, fica "Asgard", domínio dos Deuses, com muitos palácios, e com o Salão do Mortos, "Vallalla", que foi construído por Odin para os guerreiros mortos em batalha descansarem ao lado das belas Valquirias. Uma diferença bem intrigante do panteão nórdico é que ele contém uma previsão do fim do mundo, exatamente como o apocalipse descrito na bíblia cristã. O apocalipse nórdico chamavasse ragnarok, que seria uma batalha entre deuses, humanos e todas as outras formas de vidas que iria ocorrer no fim do cosmos. A batalha terminaria sem vencedores e com o caos retornando. A terra seria queimada e por fim engolida pelo oceano, porém depois ressurgiria e começaria um novo ciclo com novos habitantes.

OS PRINCIPAIS DEUSES NÓRDICOS SÃO:
AEGIR

Aegir é o deus do mar. É um dos Vanir, isto é, um dos deuses do elemento líquido ligado a natureza. Ele era ao mesmo tempo cultuado e temido pelos marinheiros, pois estes acreditavam que Aegir aparecia de vez em quando na superfície para tomar a carga, homens e navios com ele para seu salão no fundo do oceano. Por isso eram feitos sacríficios para apaziguá-los, muitas vezes sendo sacrificados prisioneiros antes de se começar a velejar. Aegir também é conhecido pelo entretenimento generoso que ele providenciava aos outros deuses.

BALDER

Balder (Baldur, Balðr) filho de Odin e Frigga. Uma divindade da justiça e da sabedoria, e embora não pertencesse ao núcleo de deuses superiores, Aesir, era-lhe permitida a permanência em Asgard

BRAGI.

Bragi (ou Brágui) filho de Odin e deus da sabedoria e da poesia. É o protetor dos trovadores. Casado com Iduna, deusa da que concede juventude eterna aos deuses.

DAGR

Dagr ( Dag, Dagur) era  o deus do dia, um filho de Dellingr (deus do crepúsculo) e Nótt. Dagr, o brilhante e o justo, costumava se deslocar através do céu diariamente em uma carruagem puxada por um cavalo conhecido com Skinfaxi que acendia as luzes da terra e do céu. O cavalo de Nótt, Hrimfaxi, acendia as luzes da noite.

EIR

Eir conhecida por sua habilidade de cura (principalmente com ervas), inclusive conhecedora da ressurreição. Ela é uma das deusas da montanha Lifia ("que cura através da magia"). Também era boa amiga de Frigg e considerada como uma das vinte criadas dela. Como uma mestre no medicamento, Eir é a protetora dos trabalhadores saudáveis.. Dizem que Eir entrega suas curas a todas as mulheres que já a viram, e ela apenas ensina as mulheres seus segredos das artes medicinais. De acordo com a lenda, apenas as mulheres podiam aprender as artes de curas escandinavas.

JORD

Jord ou Jörð, é a deusa de Midgard (a Terra na visão dos nórdicos).Algumas lendas dizem que ela é irmã do deus do mar, Njord embora outras afirmem que ela seja amante de Njord.É a deusa que permite e que faz todas as coisas crescerem na terra, de árvores à flores. Jord também é mãe do deus do trovão Thor, sendo Odin o pai. Diferente dos outros Æsir, ela não permanece em Asgard, mas sim em Midgard para tomar conta da terra.

FORSETI

Forseti  deus da justiça, meditação e conhecimento interior. É também uma força de paz. Ele é filho dos deuses Balder e Nanna. Sua casa é o palácio Glitnir, que significa "brilhante". Forseti se sentava em sua sala distribuindo justiça e resolvendo as disputas de deuses e homens.

FREIA

Freia ( Freyja,  Freya, Freja, Freyia, ou Frøya) é a deusa mãe da dinastia de Vanir. Filha de Njord e Skade(Skadi), o deus do mar, e irmã de Frey, ela é a deusa do sexo e da sensualidade, fertilidade, do amor, da beleza e da atração, da luxúria, da música e das flores. É também a deusa da magia e da adivinhação, da riqueza (as suas lágrimas transformavam-se em ouro) e líder das Valquírias (condutoras das almas dos mortos em combate).

FREY

Frey (Frei, Freyr ou Freir) é filho de Njord e irmão de Freya, e está casado com a gigante Gerda. É um deus representado como belo e forte que comanda o tempo e a prosperidade, a fertilidade, a alegria e a paz. É o deus chefe da agricultura.

FRIGA

Frigga (ou Friga), é a Deusa-Mãe da dinastia de Aesir e  madrasta de Thor, ela é a deusa da fertilidade, do amor e da união. É também a protetora da família, das mães e das donas-de-casa, símbolo da doçura.

HEL

Hel (Hela ou Hell) é filha de Loki e da gigante Angrboda,  foi banida por Odin para o mundo inferior que recebeu seu nome, Helheim, que fica nas profundezas de Niflheim. . Lá, recebeu o poder de dominar nove mundos ou regiões, onde distribui aqueles que lhe são enviados, isto é, aqueles que morrem por velhice ou doença. Seu palácio chama-se Elvidner, sua mesa era a Fome, sua faca, a Inanição, o Atraso, seu criado, a Vagareza, sua criada, o Precipício, sua porta, a Preocupação sua cama, e os Sofrimentos formavam as paredes de seus aposentos. Hela podia ser facilmente reconhecida, uma metade de seu corpo era de uma linda mulher, e a outra parte de um corpo terrivel em decomposição. A personalidade de Hel difere das dos deuses do mundo inferior das demais mitologias: Ela não é boa e nem má, simplesmente justa.

LOFN

Lofn ( Lofna, Lofe, Lofua) é a deusa do amor proibido e dos casamentos. Na mitologia diz-se que ela sorri para uniões ilegais.

LOKI 
Loki ( Loke ou  Lothur) Deus do fogo, da trapaça e da travessura, também está ligado à magia e pode assumir formas de vários animais - exceto de aves - e de ambos os sexos.

MIMIR

O mais sábio dos deuses nórdicos, Mímir teve sua cabeça decepada, mas Odin a manteve viva e a consultava a fim de se tornar onisciente.É um dos deuses gigantes antigos. Obteve todo o seu conhecimento ao beber do poço da Grande Sabedoria nas raízes de Yggdrasil.

NJORD

Njord, o deus do Mar, dos ventos e da fertilidade, é da Raça dos Vanir, contraposto a dos Aesir, dos quais Odin era o líder. É o protetor dos pescadores e dos caçadores que, em sua honra, construiam pequenos altares nas falésias e nas florestas, onde depositavam parte do que conseguiam pescar ou caçar. Era visto como um deus pacífico.

NORNAS

As Nornas são deusas  com a função é controlar (muito embora na mitologia nórdica e na religião odinista o destino é mutável) a sorte, o azar e a providência, quer dos homens quer dos deuses, e zelar pelo cumprimento e conservação das leis que regem as realidades dos homens, dos Aesires, dos elfos, dos anões, etc...O clã possuí apenas três integrantes, todas entidades femininas que a saber são: Urd (guardiã do passado), Verdandi (vigia do presente) e Skuld (virgem guardiã do futuro).

NÓTT

Nótt é a personificação da noite e filha de gigante Nörfi.

ODIN

Odin (ou Ódin, ou Óðinn) é considerado o deus principal da mitologia nórdica.Seu papel, como o de muitos deuses nórdicos, é complexo; é o deus da sabedoria, da guerra e da morte, embora também, em menor escala, da magia, da poesia, da profecia, da vitória e da caça.


RAN

Esposa de Aegir, Ran governa o mar. Temida pelos marinheiros por ser uma deusa maligna que os arrastava para o fundo do mar se tivesse a oportunidade. Deusa do Submundo e dos Elfos Escuros, Senhora dos Mortos.

SAGA

Saga é a deusa nórdica da história e dos poemas que levam seu nome: as sagas, que mesclam poesia e história

THOR

Thor ( Tor: Þórr, Þunor, Donar) é o mais forte dentre deuses e homens, é um deus de cabelos vermelhos e barba, de grande estatura, representando a força da natureza (trovão) disparando raios com o seu poderoso martelo Mjolnir

ÝR

ýr (ou Ziu ou ainda "Tyrr") é o deus germânico original do combate (Aesir), do céu, da luz, dos juramentos e por isso patrono da justiça, precursor de Odin.

ULLER

Uller (antigo nórdico: Ullr; em português: Glória) é o deus da justiça e do julgamento, assim como o deus patrono da agricultura

3 comentários:

"A personalidade de Hel difere das dos deuses do mundo inferior das demais mitologias: Ela não é boa e nem má, simplesmente justa."

Sempre imaginei o deus Hades como justo tambem q mandava as almas ruins para o tártaro e as boas para o campos elísios. Poderia me explicar melhor sobre isso.

 

Efrer essa afirmação se baseia não só no papel que a Hel executa, mas na trajetória dela durante os diversos mitos que formam a mitologia nórdica. Note que em diversos mitos gregos Hades cospira, inveja, entre outros sentimentos, digamos "mais humanos" como eram caracteristicos das divindades gregas, o fato é que Hades tinha a fama de ser um deus colérico, tanto que os gregos evitavam chamá-lo pelo nome e preferiam chamá-lo por alcunhas como Pluton (o rico). Mas esses conceitos de personalidade você só entenderá lendo os mitos das duas mitologias e comparando verá que Hel nunca teve certos atos ou decisões prejudicados por emoções como Hades ;)

 

Luna! Adorei seu texto! Parabéns! Escreva mais em seu blog, por favor! Eu não sabia nada sobre a mitologia nórdica, então, muuuuuito obrigada!